O maior Tsunami de todos os tempos

Em 1958 um terremoto de 8.3 pontos no Alaska gerou um deslizamento de 30 milhões de metros cúbicos de terra e gelo mar adentro. O movimento gerou um Tsunami de 516 metros que devastou Lituya Bay matando dois pescadores que estavam na região. Outro pescador e seu filho, que estavam em um barco, conseguiram navegar por cima da massiva onda de água.

O sobrevivente, Howard Ulrich, quando enxergou a onda a 2km de distância, viu uma parede de 23 metros acima do nível do mar vindo em sua direção. Achou que era o fim, então pegou o rádio e deixou a mensagem:

“Mayday! Mayday! Aqui é Edrie em Lituya Bay. Tudo foi pro inferno aqui e acho que já era para nós. Adeus.”

No vídeo abaixo, da BBC, Ulrich e seu filho dão um depoimento:

E uma simulação, também da BBC, que mostra como a onda pode ter atingido tal altura:

Devastação das árvores mostrada nas áreas claras da imagem

Devastação das árvores mostrada nas áreas claras da imagem

Imagem da devastação da paisagem causada pelo Megatsunami

Imagem da devastação da paisagem causada pelo Megatsunami

Existem alguns possíveis locais onde outros Megatsunamis podem começar. Um deles é nas Ilhas Canárias, onde a erupção do vulcão da ilha de La Palma poderia gerar um deslizamento massivo e provocar uma onda de até 1000 metros, que atingiria a super habitada costa leste dos EUA e cidades da América Central com potencial perda de vidas na casa dos milhões.